Follow by Email

sábado, 15 de setembro de 2012

Brotenses se encontram em São Paulo

 
 















Centenas de pessoas marcam a data da Padreira, Nossa Senhora de Brotas, com amizade e lembranças das terras brotenses
 
Como já acontece há mais de três décadas, os brotenses que moram em São Paulo se encontraram na Igreja de São João Maria Vianney, Praça Cornélia, Em São Paulo para comemorar o dia da padroeira, Nossa Senhora de Brotas. Este ano a festa homenageou duas brotenses – Preta e Bela -, filhas do leiloeiro Titá (in memorian) que residem em São Paulo.

O Encontro dos Brotenses foi idealizado por um grupo de pessoas, tendo à frente as incansáveis Alzira e Nevinha Bastos. O movimento começou forte e mantém-se firme até os dias de hoje, sempre reunindo pessoas e promovendo o intercâmbio sócio-cultural. Há até uma publicação especial – O BROTENSE – que reúne artigos, crônicas e poesias, escritos por pessoas que moram em São Paulo e também pelas de Brotas de Macaúbas.

Na edição de O BROTENSE, que é distribuído gratuitamente, para homenagear Preta e Bela, a foto de Titá e Idalina, figuras ilustres do povoado de Santana e pais das homenageadas. Para todos os brotenses (presentes ou não em São Paulo), o encontro mais uma vez foi marcado pelas lembranças da Bahia, sempre com um olhar especial para Nossa Senhora de Brotas.






 
REENCONTRO

Eu estive em São Paulo, pela primeira vez neste encontro. Foi com muita emoção que pude falar na igreja (por sinal, um belíssimo local de orações). Ali, pude também homenagear Preta e Bela, falando para o público presente. Na oportunidade, reencontrei grandes amigos – pessoas que marcaram a minha infância e juventude – e que hoje residem em São Paulo.

Foram muitas pessoas especiais, mas vou citar apenas algumas com as quais conversei e trocamos lembranças da terrinha: Teodoro Martins e seu filho, Delsuc Queiroz, Dona Zelina Barbosa, Noêmia de Valtin, Dedé e Noêmia de Henrique, as filhas de Antônia – minhas primas Zefa, Cleusa e Dadá -, Amarilis (Péu), Glória de Zé Viana, Nevinha e Alzira Bastos, Itamara, Bilu, Marvam Campos e Gean Santos, Zeca da Bia e muito mais.

Foram momentos muito especiais, pelos quais agradeço a Genival e Gil, casal que me recebeu em sua casa com muito carinho e atenção. Além dos bons papos na porta da igreja, quando revi amigos e parentes, estive ainda em outros locais paulistas: a casa de Alessandra, os bares de Cleodon e Fabiana e o Espaço Kaktus, onde aconteceu a festa realizada pela galera jovem (Joelma Lima à frente), com apresentação dos artistas da terra, Thyago Ribeyro e Ismael Oliveira.


Brotas celebra a padroeira

Em Brotas de Macaúbas os brotenses mantiveram a tradição, celebrando mais uma vez no dia 8 de setembro, a festa de Nossa senhora de Brotas, padroeira da cidade. O frei Joel, cuja ordenação diaconal está marcada para o dia 27 de outubro, ao lado do pároco frei Moisés comandaram aa  celebrações religiosas. As novenas foram muito animadas, tendo leilões na porta da igreja Matriz.
A missa solene, às 9h do dia 8, reuniu centenas de fiéis – alguns vindos de diversas partes do país. Entre os destaques da festa está o andor de Nossa Senhora de Brotas, um trabalho primoroso realizado por Frei Joel e sua mãe e que encantou a todas as pessoas presentes a este momento religioso que é uma tradição secular em  nossa cidade.

* As fotos da Missa em São Paulo são do competente Luciano Oliveira, que em breve vai lançar a cobertura completa cdesta festa em DVD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário