Follow by Email

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

FIQUE ESPERTO FOLIÃO!


VEJA AS MELHORES DICAS PARA SEU CARNAVAL EM BROTAS DE MACAÚBAS


Brincar o Carnaval em uma cidade como Brotas de Macaúbas, onde a folia tem tradição e alegria, pode ser muito legal. Mas é importante que os foliões – daqui ou de fora - observem algumas recomendações para que a nossa festa seja realmente inesquecível. Veja aqui algumas dicas para quem quer curtir os blocos no trio elétrico, os open bar, os shows na praça e as muitas farras em bares com muita diversão e sem dor de cabeça.

Onde recostar a cabeça
Há várias opções de hospedagem: pousadas, hotéis, casas de amigos e parentes ou quartos para alugar. Venha com tudo acertado, pois conseguir vagas às vésperas da folia pode ser muito difícil. Aliás, pense duas vezes em gastar muito com hospedagem. Você não vai aproveitar quase nada. Em pousadas ou casas com várias pessoas num mesmo quarto, valem essas dicas: conheça as regras do ambiente (e siga) e fique de olho nas suas coisas. Cadeado na bagagem é indispensável e, se houver armário e quarto com chave, melhor ainda.

Indo e vindo
Brotas de Macaúbas é uma cidade tranqüila, onde tudo é perto e as pessoas conhecem todo mundo. Não é difícil se informar e se enturmar para fazer o melhor Carnaval. Fique só atento à programação e aos horários para não perder parte ou o melhor da folia.


Saco vazio não para em pé
Com tantas atrações e farras pra curtir, é claro que você vai gastar muita energia e precisa se alimentar bem. Tome um café da manhã digno. (Embora, provavelmente, você só se levante para o almoço.) Essa coisa de “só comida leve” não funciona. Escolha alimentos que lhe sustentem, como boas doses de carboidratos e proteínas. Na rua, prefira os locais mais tradicionais da cidade, com estrutura e limpeza e preste atenção na aparência da comida.

Lado fashion
A festa tem tudo a ver com a paquera e todo mundo quer ficar charmoso, mas há limites. O que não rola na rua: salto alto (ainda mais se for fino), saia (você pode ter surpresas desagradáveis), cabelão solto (incomoda os outros e muita gente vai puxar). O que é sucesso para as moças: rabo de cavalo, trança, calçados confortáveis, shorts, roupas de algodão, maquiagem colorida e com brilhos. Rapazes, invistam: tênis, bermudas de tecidos tecnológicos (que secam rápido), perucas e chapéus engraçados.


Ande em boa companhia
“Quem não sabe brincar não desce para o play”, já dizia o filósofo. Só servem para “pipocar” no Carnaval pessoas que têm bom humor, tranquilidade e facilidade para lidar com imprevistos numa boa. Se não é o seu caso, não vá. Se seu amigo não é assim, não leve com você.

Não se perca...
Para os que vem de outras cidades ou estados, se perder dos amigos é fácil. Basta decidir logo um ponto de encontro assim que chegarem ao circuito. Pode ser um barzinho, uma barraca de bebida, um ponto qualquer. No mais é só cair na folia.


Dê valor ao seu dinheiro
Os brotenses são simpáticos e hospitaleiros, mas os “donos do alheio” estão em todo lugar. Nunca saia com mais dinheiro do que o necessário para curtir a noite e algum para o imprevisto. Seu relógio fantástico e a corrente que mamãe deu pra te proteger devem ficar na mala. Dê preferência a shorts ou bermudas que tenham um bolso na parte interna, ou porta-cédula que se coloca em torno da cintura. É melhor pagar mico por ser turista do que ser assaltado.

Pegue leve com os sem noção
Essa vale para moços e moças. Muita gente insiste em ir pro Carnaval na pegada “ninguém é de ninguém”. Isso pode incluir o seu respectivo ou respectiva, mesmo contra a vontade de vocês. Como muitos não estão sóbrios, o ideal é levar na brincadeira e sair de perto.


Deixe sua roupa de herói em casa
Numa festa de rua em qualquer lugar do mundo, esqueça sua valentia e fuja de brigas como o diabo da cruz. Faz parte da experiência receber algumas pisadas nos pés, empurrões, paqueras desagradáveis. Moças (é mais difícil forçar os rapazes) que não querem ser beijadas devem usar primeiro a educação, depois o empurrão, e então as pernas (para correr, é claro). Se for para proteger um amigo ou seu par, pegue pelo braço e saia de perto. Brigas em meio a multidões, onde rolam álcool e outras drogas podem acabar muito mal e, com certeza, você tem algo a perder.


Registre menos, viva mais
Nós todos sabemos que o vício de postar fotos e vídeos nas redes sociais é quase incontrolável. Mas, se você está na pipoca, esqueça. Não leve câmera digital e nem fique levantando seu celular – que deve ter outras utilidades – para filmar e fotografar as performances dos músicos e cantores ou mesmo a performances dos amigos ou para os já tradicionais selfies. O risco de você voltar para casa sem ele é grande o suficiente para ser evitado. Bolsos compridos ou difíceis de abrir também são boas soluções.

Deu errado
Mesmo que você tome todos os cuidados com a sua segurança, pode ocorrer algum incidente que lhe faça precisar da polícia. Há mais policiais nas ruas durante o Carnaval, então, não é difícil encontrá-los. Além disso, você pode se informar com alguém da organização, que tem camisa e crachá oficiais. Se perder seus documentos, não se esqueça de fazer o boletim de ocorrência na Delegacia (fica na Praça dos Poderes).


Beba com moderação
É tempo de festa, mas lembre-se que haverá amanhã. Alternar o consumo de bebidas alcoólicas com água ou refrigerante é muito importante, em especial para quem está curtindo fora de blocos. Se passar da conta, e alguma coisa der errado, o socorro poderá demorar um pouco e, com ou sem amigos. E é claro, se beber, não dirija.


Na hora do aperto
Mais cedo ou mais tarde, a vontade de fazer xixi vai apertar. O primeiro fato incontestável: o chão não é lugar para isso, senão, faríamos no da nossa casa. Para o bem estar da nação carnavalesca, há banheiros químicos nas ruas e você pode pedir ajuda numa casa amiga ou num barzinho. Além disso, há os banheiros nos quiosques e também no abrigo. Em poucas palavras, seja um folião bacana e não fique por aí fazendo suas necessidades em qualquer lugar.


Siga os códigos da paquera
Muita gente está disposta a encontrar um par. Geralmente a conversa é pouca, mas só tope se quiser. Se for o caso, tome a iniciativa também, mas considere a chance de levar um não. Se o outro ou a outra não quer, aceite. Tenha camisinha no bolso, pois, se precisar, não vai achar onde comprar (mas há agentes de saúde distribuindo gratuitamente também). Se rolar algo legal, troquem contatos. O mais prático e menos invasivo são as redes sociais. Vai que a coisa fica séria...


Faça valer seu Carnaval
Se você está em Brotas de Macaúbas para o Carnaval, não se contente com pouco. Há dois blocos de trio na rua (Altos Agitos, na sexta) e Fica Comigo, no sábado. Você pode brincar dentro das cordas, com abadá ou fora, caso não tenha. Mas pode brincar à vontade. No domingo, o bloco Alcólicos faz a festa no Balneário e a camiseta pode ser adquirida no dia ou com antecedência. Na praça sempre terá uma atração tocando para o público e no domingo, o trio da Prefeitura arrasta a multidão que pode brincar à vontade de graça. Há também a opção dos bares, dentro ou fora do circuito da folia. Ou seja, os brotenses fazem o maior e mais animado Carnaval da Chapada Diamantina por isso: tem atração para todos os gostos!


quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Cheiro de amor no Carnaval do ziriguidum



                           Aline Rosa, a grande estrela do Carnaval 2015 em Brotas de Macaúbas
Dja Luz vem aí com o novo sucesso da banda Filhos de Jorge - Vuco Vuco

Brotas de Macaúbas tem tradição na folia e faz a melhor festa da Chapada

Tem cheiro de amor no ar da cantora Aline Rosa e o ziriguidum da banda Filhos de Jorge no Carnaval antecipado em Brotas de Macaúbas, o mais tradicional e animado da Chapada Diamantina. A folia vai reunir este ano 11 atrações musicais e milhares de foliões em quatro dias de festa. Cerca de 50 mil pessoas circulam pelas ruas da cidade nos muitos eventos – desfile dos blocos populares, blocos de trio, blocos open bar, nos bares e quiosques e principalmente na Praça da Matriz, o ponto central da folia que entra pela madrugada adentro.
Além das grandes atrações musicais – Aline Rosa e Filhos de Jorge, com o novo vocalista Dja Luz – o Carnaval brotense em 2015 contará ainda com a participação da banda D´Look e do cantor Renan Moreira. Nos blocos, a folia será comandada pelas bandas Guig Guettho (Altos Agitos), Bailão do Robissão (Fica Comigo) e Asas Livres e D´Black (Alcoólicos). Artistas locais, a exemplo da banda Chapada, Bastos Oliveira e Metais e o cantor Ismael Oliveira vão garantir a alegria para brotenses e visitantes.

GRANDES CARNAVALESCOS

Este ano o Carnaval antecipado de Brotas de Macaúbas acontecerá entre os dias 5 a 8 de fevereiro 2015, lembrando os grandes carnavalescos – homens e mulheres – que fizeram a folia em Brotas de Macaúbas. Entre os homenageados estarão figuras, como o professor Davidson Carrilho, Ramilton Silva, João Queiroz, Pedro Quinteiro (seu Piruquinha) e Olival Bastos de Figueiredo (Seu Li) -; as eternas rainhas e foliãs Norberta Carrilho, Marisa Rosa, Valnice Campos, Vani Gomes, Cemi Santos e Edinha Saldanha, além do radialista e locutor José Rosa.
 
Guig Guettho, no comando do bloco Altos Agitos, na sexta-feira


Bailão do Robissão vai fazer a festa do bloco Fica Comigo, no sábado

Asas Livres dá o tom na festa open Bar dos Alcoólicos, no domingo

Som D´Black também é atração confirmada no Alcoólicos

Renan Moreira marca presença no esquenta do Fica Comigo

Elton Oliver comanda a D´Look no esquenta do Altos Agitos e puxando o trio do povo, no domingo

Ismael Oliveira confirmadíssimo no Carnaval 2015 em Brotas de Macaúbas


PROGRAMAÇÃO VARIADA

A programação é variada. Na quinta-feira, dia 5 de fevereiro, acontece o desfile do Rei Momo e da Rainha do Carnaval, animados pela banda de Metais e Percussão sob o comando de Bastos Oliveira, no resgate dos antigos carnavais. A folia se completa com o desfile dos blocos de rua – Casa da Mulher, Pastoral da Juventude e os travestidos. 
Na sexta-feira, dia 06, a partir das 15 horas, tem o Futebol Carnavalesco com Vira Copos e Amantes da Bola, disputado o troféu Bola Murcha e as melhores vídeocassetadas.
Às 20 horas tem o Esquenta com D´Look e o desfile, a partir das 22 horas, do bloco Altos Agitos com a banda Guig Guetho. A festa se completa na Praça da Matriz, com a apresentação da Banda Filhos de Jorge e e músicos locais, completando a segunda noite de folia.
No sábado a festa é nos bares e quiosques, desde a manhã, com os foliões chegando de todas as cidades e comunidades da região. Às 20 horas, Renan Moreira faz o Esquenta e às 22h, o Bailão do Robissão puxa o bloco Fica Comigo, arrastando os foliões de abadá e o povão pelo passarela da alegria. Na praça, o Carnaval vai pegar fogo com o som contagiante da cantora Aline Rosa (Cheiro de Amor), seguindo-se a apresentação de músicos da terra.
No domingo, dia 8, o Carnaval em Brotas começa mais cedo. Dos bares e quiosques, onde os foliões de concentram, o endereço é o Balneário Lago Azul para a festa open bar do bloco Alcoólicos, com a bandas Asas Livre e D´Black. Cerca de três mil pessoas participam desta festa fechada que acontece simultaneamente com o desfile de blocos infantis.
Às 18 horas, o povão segue a saída do Alcoólicos, reunindo cerca de cinco mil foliões atrás do trio do povo que este ano será puxado pelo banda D´Look. O desfile, desde o Açude até a Praça da Matriz, passando pela Passarela da Alegria sempre é marcado por muita animação.
Na Palco Principal, a festa continua até a madrugada, com as apresentações de artistas locais.

BAILE INFANTIL ANIMA O SÁBADO

A Comissão Organizadora do Carnaval 2015 está anunciando o grande baile infantil, no sábado, dia 7, das 17 às 20, na Praça da Matriz – epicentro da folia brotense. As crianças vão ganhar um espaço especial, com monitores fantasiados e um clima de muita alegria. Distribuição de pirulitos, balas e apitos será feita por animadores caracterizados como personagens carnavalescos. Haverá premiações para os foliões mais animados e fantasias mais criativas
Outro resgate importante é o incentivo aos “caretas”. Um grupo de jovens e adultos está preparando o desfile de mascarados e cacarecos pelas ruas da cidade. Para se integrar ao grupo, entre em contato com a comissão que pode viabilizar alguns materiais para a produção dos tradicionais “caretas”.
Bloco Ouro, um dos pioneiros na maior folia da Chapada Diamantina

Jegue Trio ficou na memória e na história do Carnaval brotense

HISTÓRIA DO CARNAVAL

O primeiro Carnaval em Brotas de Macaúbas coincide com o fim da Segunda Guerra Mundial. Aconteceu no antigo Sobrado (Praça da Matriz) da família Arcanjo Ribeiro e as luzes de lampiões a querosene iluminavam fantasias bem trabalhadas, algumas vindas do Rio de Janeiro.
O povo pegou gosto pela folia e logo apareceram os blocos de rua e principalmente os “caretas”, mascarados que animavam a tardes que antecediam os bailes nos salões.
Depois do Carnaval, organizado no ano de 1947, por Vitória Arcanjo Ribeiro, esposa do juiz Dr. Sebastião, a folia foi se popularizando. O Professor Davidson Carrliho e sua esposa Norberta também organizaram memoráveis festas carnavalescas. Mesmo em plena ditadura militar, a juventude tomou para si a tarefa de organizar a folia que era realizada, ora no Mercado Municipal e oura no Ala B (antiga Intendência e onde hoje funciona a EBDA). O Bar Alvorada era o ponto de encontro dos jovens e músicos para os tradicionais ensaios. Aprendiam-se as marchinhas pelo rádio, ensinando-as aos músicos de então – Jani, seu Nivaldo, Tonhá, Zé Mutim, Vilmar, Valdinei, Joaquim, Fogo e tantos outros.
Vem daí a tradição dos blocos de fantasia, com destaque para o pioneiro Bloco Jóia – “Jo-jo-jo-jo jóia/o nosso bloco é uma joia/olha que coisa legal/chegou o bloco Jóia e animou o Carnaval...” O Jegue Trio foi outro acontecimento, reunindo rapazes e moças numa festa de grande repercussão pelas ruas da cidade. Outros blocos seguiram o caminho, a exemplo do bloco Ouro e o Cordão da Bahia, até se transformarem nos grandes blocos de trio e abadá dos dias de hoje.




terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Natal e Luzes e paz emociona brotenses










Grupo Cultural Cayam-Bola mostra com arte e leveza a história do nascimento do menino Jesus em praça pública

Véspera de Natal, na nova Praça da Matriz, um sonho se materializa em forma de arte. O Grupo Cultural Cayam-Bola e a Casa da Música protagonizaram uma noite inesquecível e emocionante. O espetáculo de teatro, música e cultura popular Brotas de Luzes e Paz no Natal contou a história do nascimento do Menino Jesus – um presépio vivo -, materializado na cadeira de rodas do estudante Anderson José que serviu de manjedoura no ápice de um evento que reuniu a mágica do reisado, com os tambores do Terno de Reis Catarina Balaio de Fulô e a melódica do reisado da comunidade de Nova Santana que trouxe seu João de Selvina e dona Margarida, sua esposa, com o estandarte em louvor aos Santos Reis.
Centenas de pessoas acompanharam a apresentação que foi aberta com o Kyrie entoado por um coral de crianças, adolescentes, jovens e adultos, ensaiados pela professora Alekênia Barbosa e pela cantora e musicista da Casa da Música, Ieda Rodrigues. O tambor do Terno de Reis prosseguiu o espetáculo, narrado pelos jograis – a Mulinha de Ouro e o Cantador, além da Boneca de pano, que ali representavam a magia do teatro com humor e alto astral.
Anjos, figuras bíblicas – José, Maria, Reis magos -, pastores, ciganas, cantadores e tocadores compunham o quadro que emocionou e alegrou a antevéspera da noite de Natal, levando sonho e magia principalmente às muitas crianças que acompanharam emocionadas o desenrolar da apresentação – toda ela marcada com músicas da MPB, natalinas e do reisado.









RESGATE E PRESENTES
Fogos de artifício marcaram o ponto alto da apresentação que mostrou a força do reisado, legado de nomes como Lalu, Zé Raimundo, Zé Laginha e tantos outros e que foi resgatado há pouco mais de quatro anos pelos integrantes do Grupo Cultural Cayam-Bola, uma vez que há mais de 40 anos não saía nas ruas de Brotas de Macaúbas. No final, cerca de 500 brinquedos foram distribuídos com as crianças presentes – meninos e meninas que ficaram maravilhados com carinhos, bonecas, anéis de luzes, roupas, calçados e muitas balas, pirulitos e chocolates.
Escrito, dirigido e produzido pelo jornalista, escritor e poeta Rosalvo Martins Júnior, o espetáculo teve figurinos produzidos por Diva Oliveira e Regiane Santos, adereços confeccionados pelas artesãs Ieda Oliveira, Tatty Santos, Marluce Marciel e Nayara Almondes. No elenco, Rafael Novaes, César Farias, Marcos Roberto, Adeane Campos, Nayara Almondes, Rosalvo Júnior, William Rodrigues, Wesley Rodriguess, Lucineia Mendes, Anderson José, Raissa Novaes e Jaqueline Sodré.
No espetáculo ainda estiveram Lourdes de Anastácio, Zefa Novais, Marivete Ribeiro, Mariana Ribeiro, Lídice, Preta, Noêmia Martins, Gean e muitos outros. Nos bastidores, destaca-se o trabalho de Maurício Almondes, Sabrino Rodrigues e Chicão Barbosa.















PATROCÍNIOS E APOIOS

O espetáculo Natal de Luzes e Paz em Brotas de Macaúbas contou com o patrocínio da Prefeitura Municipal de Brotas de Macaúbas, Pousada Vovó Terezinha, Edilson Campos, prefeita Cristina Sodré, Kleber Cardoso, Artur Henrique Rosa Matos, Dilton Aécio Oliveira, Clésio Rômulo Carrilho Rosa, além da colaboração de muitos brotenses.




TRADIÇÃO EM NOVA SANTANA
Do alto de muitas décadas de vida, seu João de Selvina e sua esposa dona Margarida marcaram presença, junto aos integrantes do Reisado de Nova Santana, na apresentação do Auto de Natal em Brotas de Macaúbas. O canto afinado e harmonioso, com acompanhamento de violão e sanfona, agrega jovens, adultos, idosos e adolescentes. Foi um momento mágico que emocionou toda a plateia brotense. E viva Santo Reis!

* Fotos de Maurício Almondes e Artur Henrique Rosa Matos